QUEM SOMOS

English French German Italian Spain

 


 

 

APRESENTAÇÃO

 

Estamos vivendo num mundo cheio de contradições. Uma delas é o fato que, em plena era da informática e das telecomunicações, muitas pessoas continuam desinformadas a respeito daquilo que tem uma importância vital: o fim dos tempos profetizado pelas Escrituras.

Tabu para alguns, simples jogo de analogias ultrapassadas para outros, a revelação escatológica continua sendo desprezada por muitos.

De acordo com os tópicos que abordamos neste site, fica patente que a Igreja de Cristo passará por um período de tribulação nunca visto, ao relacionar diretamente a volta Dele em poder e glória para derrotar o anticristo e o arrebatamento da Igreja como eventos simultâneos e não separados no tempo, como acredita a maioria.

Esse tema é importantíssimo, pois verificamos que a maior parte dos cristãos não está sendo preparada nas áreas espiritual, psicológica e estrutural para enfrentar esses momentos de futura perseguição institucionalizada contra a Igreja de Cristo.

Nosso propósito não é o de defender uma determinada corrente teológica ou o de assumir a perigosa posição de "donos da verdade". Não queremos convencer ninguém nem obrigar qualquer pessoa a mudar suas convicções.

Temos como intuito principal dar aos nossos leitores uma ampla gama de informações a respeito das questões escatológicas, possibilitando que cada um, buscando o discernimento que vem do Espírito do Criador, chegue às conclusões mais apropriadas e verdadeiras.

Cremos que, da mesma forma que os nossos irmãos primitivos tiveram que escolher entre viver de acordo com os princípios espirituais e morais do Império Romano e a reclusão das catacumbas, devido à implacável perseguição oficial desencadeada a partir do ano 64 d.C., a Igreja nos últimos tempos se verá diante de igual conjuntura.

Aceitar a marca do anticristo ou viver à margem do sistema político, econômico e religioso que governará o mundo nos próximos anos? Provavelmente, você e família tenham que responder a essa pergunta num futuro muito próximo...

Sustentamos que a Igreja atual precisa voltar à concepção escatológica e eclesiástica da Igreja primitiva, rejeitando todo modismo, novidade, ensinamento, revelação ou costume que não esteja de acordo com "a fé que uma vez foi dada aos santos" (Judas 1:3)

Já é hora de voltarmos a viver nossa vida em Cristo da mesma forma que aqueles irmãos viviam, nos despojando de tudo aquilo que foi acrescentado durante a história ao ensino original do Evangelho, na forma de costumes, dogmas, hierarquias humanas, sofismas e paradigmas do paganismo.

Que haja comunhão genuína entre os irmãos, no partir do pão, no conhecimento das necessidades individuais e no desapego a todo valor ou padrão mundano. Que o importante não seja o local físico onde estivermos, mas que estejamos em Cristo e Ele em nós.

Apenas uma volta radical ao que um dia foi seguido pelos nossos primeiros irmãos, poderá fazer com que nós enfrentemos os dias tenebrosos que se aproximam.

Cristãos maduros, que não sejam dependentes dos rituais e fórmulas oferecidas por aí, nem dependentes de homens, mas dependentes da direção do Espírito Santo em suas vidas.

Cristãos que tenham a maturidade espiritual e crescimento que eram estimulados constantemente por Paulo e pelos outros apóstolos, mas que são tão negados atualmente.

Cristãos que saiam de uma vez por todas do constante estado de superstição, legalismo, dependência emocional e infantilidade espiritual que são impostos atualmente em tantos lugares.

Que exerçam os dons espirituais como sacerdotes de Cristo e que estejam desprovidos de todo apego às posições hierárquicas, aos títulos eclesiásticos e à vaidade e orgulho que giram em torno das suntuosas estruturas e impérios que foram materialmente construídos em torno do que verdadeiramente é a Igreja: a reunião de pessoas em nome do Messias. Só assim, teremos uma vida cristã vitoriosa diante da tribulação que se aproxima...

Este site, no ar desde 2003, procura trazer informações sobre os acontecimentos preditos na Bíblia, os quais já começam a ser visíveis... Se você gostar do conteúdo deste trabalho, compartilhe com outros. Seja bem-vindo (a)!

 

QUEM SOMOS

 

O Projeto Ômega é uma missão cristã, adenominacional, apolítica e sem fins lucrativos. Nosso objetivo é comunicar às pessoas, sem exceção, utilizando uma linguagem simples e direta, a veracidade das profecias bíblicas e o cumprimento delas em nossos dias, os quais antecedem o fim dos tempos, mostrando que o plano do Criador para suas criaturas se cumpre cabalmente.

Objetivamos levar as boas novas do evangelho para todos, chamando para um crescente compromisso com o Pai Eterno e a sua Palavra e alertando aqueles que pertencem à Igreja de Cristo, que é o Seu Corpo, para a futura tribulação e perseguição mundial que se aproxima, fatos que antecederão nosso glorioso encontro com o Rei Jesus.

Você pode fazer parte do Projeto Ômega intercedendo ao Senhor pelas nossas vidas e sugerindo este site para seus amigos, colegas e irmãos. Nosso propósito é que este site permaneça no ar até o momento em que for permitido usar a internet para proclamar as boas novas da Palavra sem ser perseguido institucionalmente pelo futuro sistema mundial maligno do anticristo. Após isso, não nos responsabilizamos pela sua súbita retirada do ar, em função do controle maligno que haverá na rede mundial de computadores.

Procuramos seguir a mesma linha eclesiástica e escatológica de nossos irmãos primitivos (futurista, pré-milenista e pós-tribulacionista). Não obstante, respeitamos todas as outras concepções escatológicas, sendo nosso propósito criar mecanismos de diálogo entre os verdadeiros servos do Senhor, para que haja uma maior preparação para a vinda do Mestre.

Cremos também que a concepção eclesiástica primitiva, guardadas as devidas diferenças temporais e culturais, deve ser seguida por nós hoje, seguindo o exemplo de nossos primeiros irmãos em seu desapego às grandes estruturas e organizações eclesiásticas e em sua constante busca da verdadeira comunhão entre os irmãos, no partir do pão, na doutrina dos apóstolos e na simplicidade da caminhada com Cristo. Cremos que onde estiverem dois ou três reunidos em nome de Jesus Cristo, alí Ele estará.

Diante das diferentes formas de interpretar as questões bíblicas, adotamos a seguinte postura: UNIDADE, naquilo que é essencial, LIBERDADE, naquilo que não é essencial e AMOR em todas as coisas.

Somos unicamente cristãos, mas não somos os únicos cristãos. Nossa única esperança para a solução dos problemas do mundo está em Cristo e em Seu Reino que será literalmente instaurado quando Ele voltar. Não temos nem desejamos ter nenhum tipo de conluio, dependência ou acordo com nenhuma entidade ou pessoa política deste mundo.

Os artigos, estudos, programas e comentários contidos neste site estão à disposição de quem os quiser, sem nenhum custo financeiro. Neste site não vendemos nem comercializamos nenhum conteúdo.

Neste contexto, também liberamos a extração e uso de nossos conteúdos por terceiros, desde que usados de forma completa e com a devida citação da fonte.

Comunicamos que não possuimos nenhuma comunidade oficial em sites de relacionamento, nem utilizamos outros meios para comunicação oficial. Não temos fóruns nem grupos de discussão. Não entramos em contato com ninguém em nome do Projeto Ômega nem autorizamos ninguém a fazê-lo.

Não pedimos nenhum tipo de donativo via e-mail, telefone ou por qualquer outro meio alheio a este site. Não temos páginas oficiais em redes sociais, nem em qualquer mecanismo semelhante.

Também, não possuímos nenhum vínculo com outras organizações que usam a expressão "Projeto Ômega". Nossa única fonte de comunicação oficial é este site. O único endereço de nosso site é www.projetoomega.com. Nosso twitter é @projetoomegatv e está destinado apenas às atividades do Projeto Ômega.

Os artigos e estudos contidos neste site poderão sofrer alterações, revisões e atualizações, pois eles não são infalíveis. Cremos que o conhecimento que vem do Senhor é progressivo e contínuo.

               

EM QUE CREMOS

 

Acreditamos que confissões e credos elaborados por homens e/ou organizações não podem englobar todas as verdades divinas nem apresentar um conteúdo infalível. Porém, cremos que é útil expor nossas crenças fundamentais no intuito que de que nossos leitores tenham uma melhor concepção do Projeto Ômega. Diante de conceitos gerais concernentes às questões espirituais, cremos:  

1. Em um só Criador Altíssimo, eternamente subsistente em tres pessoas: o Pai, o Verbo (Filho) e o Espírito Santo, esclarecendo que ainda não temos uma compreensão completa sobre o que é uma pessoa divina. Cremos que o Verbo se fez carne através da encarnação (Dt 6:4, Mt 28:19, Mc 12:29, II Co 13:13)

2. Na inspiração verbal das Escrituras, única regra de fé normativa para a vida e o proceder do cristão e para a revelação do plano do Criador para sua criação. Cremos que os 66 livros contidos no Velho e no Novo Testamento foram inspirados pelo Eterno Pai e estão isentos de erros em sua forma original.

Cremos na preservação do texto das Escrituras através da providência divina em cada época. Rejeitamos modernas profecias, revelações e doutrinas que alegam "complementar" o que já está escrito. As revelações e profecias no tempo presente apenas são focalizadas em questões específicas e não doutrinárias, devendo ser rejeitadas quando se opõem às verdades bíblicas (II Tm 3:14-17, Mt 22:29)

3. Na concepção virginal do Messias em sua morte vicária e expiatória, em seu sacrifício por todos os homens, abrangente a todas as épocas, em sua ressurreição corporal dentre os mortos e em sua ascensão corporal e vitoriosa aos céus.

Cremos que o Salvador é plenamente homem e plenamente divino, uma pessoa com duas naturezas distintas. (Is 7:14, Mt 1:18, Rm 8:35, At 1:9, Rm 5:18, Jo 1:1-3, I Tm 2:3-5, Hb 1:8, At 20:28, Fl 2:5-11, Hb 2:9, I Jo 2:2)

4. Na pecaminosidade do homem e em sua tendência natural ao pecado, em decorrência de seu estado decaído, o que torna o ser humano destituído de sua plenitude como pessoa e da glória do Eterno Pai.

Somente através do arrependimento e da fé na obra redentora do Messias é que o homem experimenta a restauração de sua comunhão plena com o Pai (Rm 3:23, At 3:19, Jo 14:6)

5 . Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo pelo poder atuante do Espírito do Pai e da Palavra Dele, para tornar o homem apto para ter comunhão espiritual com o Altíssimo. Cremos que o Senhor está pronto e desejoso para salvar todo aquele que obedecer ao evangelho. Obedecer ao evangelho significa ouvir o evangelho, crer na mensagem do evangelho, arrepender-se dos pecados e ser batizado em águas.

No momento em que o evangelho é obedecido pela pessoa, o Altíssimo a perdoa de seus pecados, liberta espiritualmente, adota e batiza no Espírito Santo. A salvação alcança todas as áreas da vida de uma pessoa, inclusive o corpo, o qual será ressuscitado e glorificado na vinda de Jesus. A perseverança é necessária para que a salvação se complete (Jo 1:1-15, I Tm 2:3-4, Mc 16:15-16, Romanos 13:11)

6. No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma, recebidos gratuitamente do Pai, na manifestação da graça, através do sacrifício único e suficiente efetuado por Jesus Cristo. Cremos que a Velha Aliança foi substituída pela Nova Aliança.

Todas as pessoas devem ser salvas através de Jesus Cristo de acordo com os parâmetros da Nova Aliança. (At 10:43, Rm 10:13, Rm 3:24-26, Hb 7:25, Hb 5:9)

7. No batismo bíblico efetuado por imersão do corpo inteiro daquele que creu e se arrependeu, em nome do Pai, do Filho e do Espirito Santo, conforme determinou o nosso Messias (Mt 28:19, Rm 6:1-6, Cl 2:12)

8. Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo (Hb 9:14, I Pe 1:15)

9. No batismo bíblico no Espírito Santo, recebido por todos aqueles que são novas criaturas, a partir do momento da genuina conversão, como um selo, o qual conforta, edifica, instrue, convence do pecado, corrige e sustenta o cristão nos momentos difíceis (At 1:5, At 2:4, At 10:44-46, At 19:1-7)

10. Na atualidade dos dons espirituais, distribuídos pelo Espírito do Pai à Igreja para sua edificação, conforme sua soberana vontade e em seu uso na Igreja, sob o discernimento do Corpo e os parâmetros das Escrituras (I Co 12:1-12)

11. Na existência da Igreja de Jesus Cristo, formada por todos os redimidos em todas as épocas através do sacrifício expiatório de Jesus, sem distinção de temporalidade. As igrejas locais são assembléias onde pessoas se reúnem para ter comunhão e edificação mútua, sem importar o número de membros.

A Igreja de Jesus Cristo não é uma organização e não possui nenhuma liderança humana única. Apenas o Senhor Jesus Cristo é o cabeça e líder da Igreja, Seu Corpo. Não cremos na "sucessão apostólica", colocando a Igreja como fonte constante de revelação e sim na "sucessão da doutrina de Jesus e dos apóstolos", colocando a Igreja como mordoma da revelação existente nas Escrituras (II Tm 2:2, Jd 1:3, Ef 4:15, Ef 5:23, Cl 1:18, Hb 12:23)

12. Na gloriosa volta do Senhor Jesus, anterior ao Milênio, imediatamente posterior à grande tribulação. Uma volta sem fases ou divisões, na qual ocorrerá a glorificação dos cristãos, a derrota do sistema maligno no qual o mundo jaz e o começo do Reinado de Jesus sobre a Terra (Mt 24:29-31, I Ts 4:16, Ap 20:4, I Co 15:50-54, Zc 14:5, Jd 14)

13. Que todos os salvos, logo após a volta gloriosa do Senhor Jesus, comparecerão diante do Tribunal de Cristo, para receber recompensas e galardões, em virtude de seus feitos em favor do evangelho do Senhor (II Co 5:10, Lucas 14:14)

14. No Juízo Final, conclusivo e definitivo, o qual ocorrerá logo após o Milênio (Ap 20:11-15)

15. Na vida eterna de gozo e felicidade para os fiéis e de tristeza e tormento para os infiéis (Mt 25:46)

  
  

© Copyright Projeto Ômega – Todos os direitos reservados